(87) 9 8835-0231

NO AR

AMANHECER NO SERTÃO

Com João Jodélio

Pernambuco

Resumo do Plenário da Alepe nesta quarta: parlamentares debatem efeitos da instalação de usina nuclear em Itacuruba

Publicada em 03/10/19 as 08:03h por Radio Educadora de Belem,Didi Galvão - 17 visualizações


Compartilhe
   

Link da Notícia:

É fato a intenção do Governo brasileiro de viabilizar a construção de seis usinas nucleares no país, sendo a primeira em Itacuruba, no Sertão de Itaparica. A declaração é do deputado Alberto Feitosa, do Solidariedade. Nessa quarta, o parlamentar registrou em plenário a resolução federal publicada no Diário Oficial da União no último dia 30, criando um grupo técnico para dinamizar a área regulatória e desenvolver o setor nuclear brasileiro.

Feitosa iniciou o pronunciamento rebatendo artigo intitulado “Vendedores de ilusão: caso da usina nuclear em Pernambuco”, veiculado no último dia 30 pelo site EcoDebate. E defendeu que Pernambuco só tem a ganhar com o empreendimento: “Isso é fruto de um estudo longo, detalhado, de pessoas renomadas no meio da Engenharia. Inclusive capitaneadas em 2010 pelo saudoso e estimado governador do estado de Pernambuco à época, o governador Eduardo Campos, que sentiu, exatamente, os efeitos  e a importância que teria a instalação de um equipamento desse aqui no estado de Pernambuco”.

O deputado Antonio Fernando, do PSC, lembrou que outros estados já manifestaram interesse na instalação de usinas, a exemplo de Minas Gerais, que pode implantar uma central no município de São Romão. Já o deputado Wanderson Florêncio, do PSC, questionou o potencial poluidor do empreendimento: “Será que é ético nós, para termos o ar condicionado, a luz e a nossa energia do momento, nós comprometermos, para outras gerações que não optaram por esse risco, de ter mantido, senhor presidente, durante dez mil anos o lixo nuclear. Hoje, é essa a regra”.

Nessa quarta, Wanderson Florêncio ainda voltou a criticar  o programa Caminhos de Pernambuco. O parlamentar registrou que a iniciativa envolve 500 milhões em investimentos na recuperação de estradas até o ano de 2022, e necessita de fiscalização permanente por parte da Assembleia.

O presidente da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais, deputado Kennedy Nunes, anunciou no Plenário da Alepe a realização do Seminário Regional de Promoção e Defesa da Cidadania. O evento, que começa na manhã dessa quinta, na Assembleia, faz parte de um ciclo de encontros promovidos pela Unale com o objetivo de ampliar o debate em todas as Casas Legislativas do Brasil sobre as principais bandeiras da entidade. Entre os temas que serão discutidos está a prevenção ao suicídio e automutilação: “A gente se acostuma a cuidar da pressão arterial, a gente se acostuma a cuidar das doenças cardiovasculares, renais, fazer exercício físico, botar botox, mas a gente não tem o costume de cuidar da saúde mental. E nós estamos tendo, presidente,  a cada 40 minutos, uma pessoa se matando no país”.

Antonio Moraes, do PP, destacou a atuação de policiais civis e militares na Zona da Mata Norte. Segundo o parlamentar, os profissionais alcançaram o maior índice de redução de homicídios na história da região, sendo agraciados com o Prêmio de Defesa Social. A honraria, prevista em lei, é concedida em função do desempenho policial na redução dos Crimes Violentos Letais Intencionais.

O deputado Marco Aurélio Meu Amigo, do PRTB, repercutiu a divulgação de um vídeo que registra a depredação e furto de partes dos corrimões das pontes históricas do Recife. O parlamentar ressaltou o valor material e turístico das construções, e fez um apelo à Prefeitura para que o efetivo da guarda municipal seja reforçado nas localidades.

O aumento da dívida pública brasileira foi analisado pelo deputado João Paulo, do PCdoB. De acordo com o parlamentar, 43% dos gastos públicos são destinados ao pagamento dos juros do déficit, enquanto os custos de setores como saúde e educação não chegam a 16%.

A aprovação, em segundo turno, da proposta que regulamenta a atuação das comunidades terapêuticas em Pernambuco foi comemorada pelo deputado Pastor Cleiton Collins, do PP. Ele destacou a importância de reconhecer um serviço que vem sendo prestado há 52 anos por essas entidades de acolhimento. 

Fonte: Radio Alepe




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








.

LIGUE E PARTICIPE

(87)3876-1380

Visitas: 912435
Usuários Online: 23
Copyright (c) 2019 - Radio Educadora de Belem - CONTATO COMERCIAL-(87) 3876-1105